Imprimir

Da responsabilidade de operadores privados. Câmara é mediador... Proença-a-Nova está a encetar esforços no sentido de vir a ter um parque de receção de madeira queimada.

A candidatura está a ser preparada, pertencendo a dois operadores privados, sendo a câmara municipal “o principal mediador para o processo se materializar”, disse à Rádio Condestável o presidente da câmara, João Lobo. O parque, a ser uma realidade, situar-se-á próximo do Parque Empresarial. Além de disponibilizar a área, a autarquia disponibiliza igualmente a rega. Uma das fases atuais é também a definição de preços no que respeita à sustentabilidade do próprio parque.
É com bons olhos que o autarca vê estas recentes medidas do Governo, contudo considera que este deveria ir mais longe e ser “mais desafiante”. Na sua opinião podia-se “condicionar a indústria a não consumir madeira de pinho verde, isto para intensificar o consumo da madeira dos incêndios”, disse.
A madeira que existe em Proença é maioritariamente para triturar e não tanto madeira de serração, uma vez que “o pinhal que ardeu no ano passado já tinha ardido em 2008”, disse ainda João Lobo. A ideia deste concelho é também poder dar resposta a outros concelhos e à biomassa.

Av. Dr. Abílio Marçal, Lote 1 B 6100-267 Cernache do Bonjardim

geral@radiocondestavel.pt

Telefone: Geral: 274 800 020

Redacção: 274 800 028/7

Tempo Cernache Do Bonjardim


Estatísticas

Hoje
9617
Ontem
18215
Este mês
589670
Total
18306782
Visitantes Online
36