CASTELO BRANCO: Câmara cria dois centros de teletrabalho

Para entrarem em funcionamento ainda no primeiro trimestre deste ano.

CASTELO BRANCO: Câmara cria dois centros de teletrabalho

As antigas instalações do Cybercentro, em Castelo Branco, e a Casa do Povo de Alcains vão acolher os dois centros de teletrabalho criados pela Câmara Municipal de Castelo Branco. O objetivo é receber trabalhadores que estejam a exercer a sua atividade em regime de teletrabalho.
Cada espaço tem capacidade para 10 pessoas e dispõem de zonas comuns e privadas, para videochamadas e reuniões, descreve a autarquia albicastrense em nota enviada à comunicação social.
Segundo José Augusto Alves, presidente da câmara, “este é um projeto que tínhamos já pensado e que nos encontrávamos a desenvolver. Isso permitiu que integrássemos de forma muito natural a rede nacional de coworking”.
Cada espaço vai estar equipado com meios informáticos, mas a ideia é que o utilizador use os seus próprios equipamentos portáteis, disponibilizando a autarquia a rede de internet, a energia e outros serviços de apoio.
Os centros de teletrabalho deverão entrar em funcionamento ainda no primeiro semestre de 2021, podendo vir a ser criados mais espaços noutras freguesias.

Partilhar: