Combate à pandemia em destaque no orçamento da câmara

Foi aprovada por unanimidade a proposta do Orçamento e Grandes Opções do Plano para 2021 da Câmara Municipal de Pampilhosa da Serra. Sujeito à apreciação em Assembleia Municipal, o documento tem um valor de cerca de 13 mil e 800 euros, num aumento superior a 2 milhões euros face ao orçamento do ano passado.

Combate à pandemia em destaque no orçamento da câmara

O referido montante “engloba um reforço financeiro significativo no âmbito da prevenção e combate ao atual contexto pandémico, condição que o executivo encara como prioritária”, explica a autarquia pampilhosense em nota enviada à comunicação social.

Deste modo, a autarquia pretende manter ativas as linhas municipais de emergência e dar continuidade à aquisição de materiais de proteção individual e de testes de diagnóstico à Covid-19, até que a situação assim justifique.

O apoio às famílias mais carenciadas, ao tecido empresarial do concelho e também às instituições que intervêm em matéria de segurança e saúde no concelho, é igualmente primordial e será permanentemente ajustado em função das consequências provocadas pela pandemia.

Para além das preocupações sociais, a previsão da subida das receitas do Orçamento e Grandes Opções do Plano para 2021 está relacionada com o financiamento a que a autarquia espera ter acesso, no final do presente quadro comunitário e início do próximo, para levar a cabo um conjunto de projetos estruturantes em perspetiva para o concelho.

“Apesar de todas as iniciativas previstas e das contingências imediatas e futuras decorrentes da pandemia, o controlo da dívida global, bem como a seletividade da despesa municipal, continuam a ser vetores centrais do orçamento municipal”, explica a edilidade.

As medidas, meios e métodos para que a vida dos pampilhosenses seja melhorada estão enunciadas, sobretudo, nos eixos estratégicos da coesão social, economia, emprego, cultura, educação, turismo e desenvolvimento. Nesse sentido e para que haja uma harmonização do plano estratégico, estas áreas de intervenção não foram descuradas, uma vez que são consideradas basilares para o crescimento e desenvolvimento do concelho, sustenta ainda a autarquia.

Partilhar: