FIGUEIRÓ DOS VINHOS: Complexo empresarial SONUMA com capacidade esgotada

Investimento é inaugurado amanhã, dia 5 de maio.

FIGUEIRÓ DOS VINHOS: Complexo empresarial SONUMA com capacidade esgotada

Localizado a escassos metros do IC8, o complexo empresarial SONUMA, em Figueiró dos Vinhos, dispõe de sete espaços individualizados, destinados a indústria, comércio e serviços, com as infraestruturas base instaladas e com condições para uma instalação rápida. O novo local de desenvolvimento e de empregabilidade do concelho é inaugurado amanhã, dia 5 de maio, e já tem todos os espaços preenchidos, ganhando assim uma nova vida após o encerramento da empresa.
O espaço foi recuperado pela câmara municipal que lhe deu uma funcionalidade adaptada aos dias de hoje e às exigências dos empresários.
Jorge Abreu, presidente da autarquia figueiroense, recorda à Rádio Condestável, que este projeto, que vem do ano de 2017, “deixa-nos muito satisfeitos pois criámos uma área de acolhimento empresarial e fizemos uma reabilitação urbana numa entrada da vila e num edifício com um enquadramento perfeito”, explica.
A empresa chegou a empregar 120 pessoas. O autarca sabe que esses números não serão atingidos agora mas “o que nos move é que as empresas que ali se instalem tenham a importância que a SONUMA tinha para o concelho”.

Este espaço será um complemento ao parque empresarial do Carameleiro. Neste complexo a empresa já tem uma área de implementação “sem ter que fazer investimento inicial, o qual pode usar no seu desenvolvimento”, mas se quiser uma área maior “poderá ir para o parque industrial”, explicou o edil. Se o investimento correr mal, a câmara tomará posse do espaço, cedendo-o a outro empresário.

Neste momento já se instalaram sete empresas:
A Nautifish dedica-se à importação de todo o tipo de acessórios náuticos e artigos de pesca de recreio. Luís Santos, responsável da empresa, reconhece que esta foi uma “excelente ideia”, e para a empresa “uma oportunidade de aumentarmos o nosso espaço e volume de negócios”. Devido às características do negócio (embarcações, auxilio a oficinas e armazéns com necessidade de ter muitos produtos em stock) a Nautifish já sente que o espaço atribuído está a ficar pequeno.
Se uns se lançam a partir daqui, outros procuram o concelho natal para ajudar na economia local e aproveitar todas as potencialidades que a localização oferece. É o caso de Fernando Coelho, proprietário da empresa de transporte de mercadorias com o mesmo nome. “Quando pensei crescer mais um pouco e com o IC8 aqui perto, pensei vir para aqui. Arranjei motoristas daqui e senti vontade de ter uma base logística que agora está na SONUMA”, explica. Também este empresário almeja continuar a crescer e por isso “o pavilhão pode começar a ficar pequeno”, reconhece. O empresário mudou a sede da empresa para Figueiró dos Vinhos e faz questão que os seus veículos, antes de saírem para a estrada, se abasteçam nas bombas de combustível figueiroenses. Dos 28 colaboradores da empresa, sete são oriundos do concelho.
A Kaptain Higiene Global veio do concelho vizinho de Castanheira de Pera. Nasceu há 10 anos e especializou-se na distribuição de produtos de higiene e limpeza para escolas, lares, restaurantes entre outros. Arlindo Dinis tinha um pavilhão junto à sua residência mas a necessidade de ter mais espaço trouxe-o até Figueiró dos Vinhos porque “em Castanheira de Pera esperei 4/5 anos e não consegui. Figueiró abriu-me a mão” diz, reconhecendo que “a localização é muito boa. Os camiões vêm diretamente fazer as entregas”, ilustra.
A empresa de impressão Figueirótipo já tem instalações no parque empresarial do Carameleiro mas mudou-se para este complexo naquilo que foi uma aposta na possibilidade de aumentar a qualidade do trabalho junto do cliente com outras funcionalidades, reconhece José Carlos Silva, responsável da empresa. “Temos mais espaço, mais e melhores serviços e temos a intenção de abranger mais algum mercado na área da publicidade e de outros trabalhos gráficos”, explica. Estas oficinas gráficas têm já mais de um século de laboração, sendo que vêm do concelho vizinho de Castanheira de Pera. Este passo integra-se na lógica de crescimento.
Nos últimos anos a procura por cuidados para os animais de companhia tem feito crescer os espaços dedicados ao tratamento e bem-estar animal. A empresa VetFigueiró tem assistido, desde a sua localização no concelho, a um aumento de procura e por isso, ao se aperceber desta hipótese de crescer não perdeu a oportunidade, diz Rita Castro Leal. “Percebemos que é o espaço ideal”, reconhece. A VetFigueiró faz consultas a animais de companhia e em pecuária, seja na clínica ou ao domicílio. Neste novo espaço, que ainda não ocupam, “vamos aumentar os serviços para ter pet shop, banhos, tosquias e hotel”, enumera.
Rodney Guimarães é o responsável pela empresa Birthteck Dispositivos de Saúde que nasceu em 2015 numa chamada de saúde global da Fundação Bill e Melinda Gates. Este é um projeto de vida já que, vindo do Brasil, aqui procurou uma base para lançar a sua empresa que, a partir de Figueiró dos Vinhos vai produzir dispositivos que irão preferencialmente para África, para a América do Sul e Médio Oriente. Entre esses equipamentos estão, um que mede a prematuridade dos pulmões num bebé e outro que faz o tratamento dos pulmões com luz. São equipamentos não evasivos.
A ideia que atravessa todos os empresários já instalados é a de que, primeiro servirá para crescer em termos económicos. Por outro lado este é o modelo prefeito de “tipologia chave na mão e mais fácil para captar investimento”, como insiste em referir Jorge Abreu, notando que construir um edifício de raiz é sempre mais difícil e moroso. “Vamos tentar aumentar a oferta desta tipologia para que nenhum empresário deixe de ficar cá por não termos condições para tal”, finaliza.
O complexo empresarial da SONUMA tem uma área coberta de 4914 m2, está preparado para oferecer espaços na área industrial, serviços e comércio, oferece ainda espaços comuns para refeitório e sala de reuniões e neste momento está com a ocupação completa com sete empresas instaladas.
Depois de vários adiamentos devido ao estado pandémico que atravessamos a abertura oficial ocorre esta quarta-feira com a presença da Ministra da Coesão territorial, Ana Abrunhosa.

Partilhar: