FIGUEIRÓ DOS VINHOS: PJ deteve suspeito de homicídio qualificado e profanação de cadáver

Suspeito também é acusado do crime de detenção de arma proibida.

FIGUEIRÓ DOS VINHOS: PJ deteve suspeito de homicídio qualificado e profanação de cadáver

A Polícia Judiciária (PJ) deteve um homem pela presumível prática dos crimes de homicídio qualificado, profanação de cadáver e detenção de arma proibida, ocorridos no final do passado mês de março, na zona de Figueiró dos Vinhos.
O arguido é um homem de 51 anos que, “por motivos não concretamente apurados, muniu-se de uma arma de fogo, atraiu a vítima, de 54 anos de idade, para uma zona de floresta e terá disparado três tiros, pelas costas, que a atingiram na zona da cabeça e das costas”, descreve a PJ em comunicado enviado às redações.
A mesma fonte adianta que “apercebendo-se que a vítima ainda evidenciava alguns sinais de vida, o suspeito terá golpeado a vítima, na zona da cabeça, provocando-lhe a morte. Seguidamente, arrastou o cadáver para o interior da floresta e cobriu-o com vegetação, para o ocultar”.
O arguido foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Partilhar: