MAÇÃO: Mês do laço azul exibiu trabalhos feitos pelos idosos

Ação Intergeracional uniu idosos no alerta contra maus tratos na infância.

MAÇÃO: Mês do laço azul exibiu trabalhos feitos pelos idosos

Terminou com o mês da prevenção dos maus tratos na infância (abril), a Campanha Nacional Laço Azul.
No concelho de Mação a ação foi abraçada pela CPCJ que levou a que os idosos dos lares concelhios preparassem laços azuis para depois serem colocados nas portas ou fachadas das instituições, chamando assim a atenção e alertando a população para os maus tratos.
De acordo com a Câmara Municipal de Mação, esta ação intergeracional, de avós para netos, assenta e relembra o início do “Laço Azul", em 1989 nos EUA, quando uma avó, Bonnie W. Finney, amarrou uma fita azul na antena do seu carro, “para fazer com que as pessoas se questionassem”. A história que esta avó contou à comunidade foi trágica, sobre os maus tratos infligidos aos seus netos.
Azul porquê? Apesar de uma cor tão bonita, Bonnie Finney não queria esquecer os corpos batidos e cheios de nódoas negras dos seus dois netos. O azul seria um lembrete constante para a sua luta na proteção da criança contra os maus tratos.
Neste ano, o Município de Mação além do laço azul na varanda dos Paços do Concelho aceitou o desafio da Comissão Nacional, e teve este edifício iluminado com a cor azul, durante o mês de abril, contribuindo para uma maior visibilidade da causa.

Partilhar: