PAMPILHOSA DA SERRA: “Evocar o Fado” no mercado municipal

Até ao final do ano.

PAMPILHOSA DA SERRA: “Evocar o Fado” no mercado municipal

Abriu hoje ao público a exposição “Evocar o Fado” no mercado municipal de Pampilhosa da Serra.
A mostra está inserida no âmbito do projeto “À Beira do Fado”, que resulta de uma iniciativa conjunta entre os Municípios de Pampilhosa da Serra, Arganil e Oliveira do Hospital, “que se juntaram para defender a cultura naquilo que é um dos maiores patrimónios imateriais de Portugal: o fado”.
Segundo Alexandra Tomé, vice-presidente da autarquia pampilhosense, esta exposição, que pode ser vista até ao dia 31 de dezembro, “retrata em 20 painéis a história do fado, desde a sua representação mais antiga até ao fado mais moderno e contemporâneo”.
Numa ode a esta expressão artística e cultural, na galeria figuram referências que vão desde Alfredo Marceneiro, passando pela incontornável Amália Rodrigues, Carlos do Carmo, entre outras vozes da nova vaga do fado.
Para além desta iniciativa, a vice-presidente disse ainda que até ao final de agosto do próximo ano, está prevista a realização de “várias ações”, sendo que a próxima, tal como revelou em primeira mão, será o concerto da fadista Beatriz Rosário, agendado para o dia 26 de novembro. “Vai ser um momento único para o qual convido todos a estarem presentes”, adiantou Alexandra Tomé.
O projeto “À Beira do Fado” tem um investimento de cerca de 300 mil euros, cofinanciado a 100% pelo Programa Operacional do Centro, e contempla uma programação dinâmica que alia a tradição à contemporaneidade, com o desígnio de promover aquela que foi a primeira expressão artística declarada Património Imaterial da Humanidade em Portugal.

Partilhar: