PROENÇA-A-NOVA: Comunidade de trabalho EUROACE passa para a Extremadura

Estratégia de Cooperação Territorial Transfronteiriça saiu reforçada no plenário de ontem

PROENÇA-A-NOVA: Comunidade de trabalho EUROACE passa para a Extremadura

Teve lugar ontem, em Proença-a-Nova, no Centro de Ciência Viva da Floresta, o IV Plenário da Comunidade de Trabalho Transfronteiriça da EUROACE – Eurorregião Alentejo, Centro e Extremadura. Um encontro que foi marcado pela assinatura de um novo protocolo de cooperação e pela apresentação da Estratégia de Cooperação Territorial Transfronteiriça para o período 2021-2027.
Esta foi uma reunião que serviu também para se proceder à transferência da presidência desta Comunidade de Trabalho da região Centro, que assume a liderança desde o Plenário de 2018, para a região da Extremadura.
O referido protocolo foi assinado pela presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), Isabel Damasceno; pelo presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, António Ceia da Silva e ainda pelo presidente Junta da Extremadura, Guillermo Fernández Vara, instituição que assume a presidência desta Comunidade de Trabalho pelos próximos quatro anos.
Marcou presença nesta cerimónia a secretária de Estado do Desenvolvimento Regional, Isabel Ferreira, onde referiu que o programa a implementar nestas três regiões, que partilham as suas fronteiras e participaram na definição da estratégia, ascenderá aos 320 milhões de euros:

Isabel Damasceno, presidente da CCDRC e presidente cessante deste programa, lembrou que este é um território com 97 mil Km2, 437 km’s de fronteira e 4 milhões de habitantes e que têm quase tudo em comum:

Desde 2014 até 2020 foram financiados 51 projetos, envolvendo mais de 200 entidades das três regiões, com um montante aprovado de 99 milhões de euros.
A presidência vai agora transitar para a Extremadura, com o presidente da junta da Extremadura, Guillermo Fernández Vara, a referir que o momento que a Europa atravessa é desafiante mas que estão preparados para fazer frente às dificuldades e às oportunidades que este tempo apresenta:

A estratégia definida como EUROACE 2030 contempla cinco grandes objetivos, que dão lugar a 11 objetivos específicos, 18 linhas de ação e a 129 medidas.

Partilhar: