PROENÇA-A-NOVA: Município e Associação Dignitude assinam protocolo

Rede Solidária do Medicamento disponível para utentes carenciados

PROENÇA-A-NOVA: Município e Associação Dignitude assinam protocolo

O Município de Proença-a-Nova e a Associação Dignitude estabeleceram um protocolo que permite aos munícipes economicamente carenciados beneficiarem do programa abem que visa “garantir que todos os portugueses têm acesso aos medicamentos de que precisam”, lê-se numa nota enviada à comunicação social.
De acordo com o presidente da câmara João Lobo, “esta iniciativa enquadra-se na estratégia que o Município tem desenvolvido de apoio aos que mais precisam, assente em critérios de valores que assumimos na gestão pública e, portanto, este protocolo é mais um esforço que fazemos para garantir que somos todos sempre mais iguais”. Assim, são apoiados na compra de medicamentos os agregados familiares cuja capitação seja inferior a 50% do Indexante dos Apoios Sociais (IAS), mais concretamente 219,41€ por cada elemento. Para o cálculo do rendimento familiar per capita, é realizada uma fórmula que tem em conta o número de elementos do agregado familiar, o seu rendimento global e as despesas fixas mensais (nomeadamente: renda ou crédito habitação e despesas de água, eletricidade e gás).
Os interessados em beneficiar deste apoio social, devem preencher o formulário disponível na página do Município de Proença ou solicitá-lo diretamente no Balcão Único, entregando-o devidamente preenchido, juntamente com os documentos solicitados, neste serviço. Depois de identificadas, as famílias socialmente vulneráveis recebem o cartão abem que lhes permite usufruir da Rede Solidária do Medicamento em qualquer ponto do país.
A Associação Dignitude, uma instituição particular de solidariedade social, nasce da parceria entre o setor social – Cáritas Portuguesa e Plataforma Saúde em Diálogo e o setor da saúde – Associação Nacional das Farmácias e Associação Portuguesa da Indústria Farmacêutica e desenvolve igualmente diversas campanhas de angariação de donativos. A mais recente é a de consignação do IRS para este programa, identificando esta entidade através do número de contribuinte (513 696 628). “Com o apoio do Programa abem, mais de 19.000 pessoas já têm acesso aos medicamentos de que precisam para viver. Com o seu contributo, poderemos apoiar ainda mais pessoas”, incentiva a Dignitude.

Partilhar: