PROENÇA-A-NOVA: Obras na Aldeia Ruiva impulsionam ocupação do Parque de Campismo

Câmara diz que foi batido recorde de ocupação.

PROENÇA-A-NOVA: Obras na Aldeia Ruiva impulsionam ocupação do Parque de Campismo

As obras de requalificação da Praia Fluvial da Aldeia Ruiva, “favoreceram a taxa de ocupação do Parque de Campismo, gerido pelo Município, que se localiza junto à Ribeira da Isna”. Quem o diz é a Câmara Municipal de Proença-a-Nova em nota enviada à comunicação social, que destaca a abertura do Parque de Autocaravanismo, com possibilidade de estacionamento e pernoita. Ainda de acordo com a autarquia, esta foi “uma novidade que foi procurada por 63 caravanas e autocaravanas, mobilizando 187 pessoas nos meses de julho, agosto e setembro”. Quanto às restantes valências do parque, e da análise dos meses de julho, agosto e setembro desde 2013 a 2021, excetuando 2020 pois esteve encerrado por motivo de obras, “foi batido o recorde de ocupação, representando um aumento de 15% em relação ao segundo melhor ano do período analisado: 2019. Em 2021, 201 tendas passaram pelo Parque de Campismo, mobilizando 482 pessoas, enquanto que em 2019 foram 168 reservas e 418 utilizadores”, revela a edilidade.

No caso dos bungalows, houve um decréscimo de 8% na taxa de ocupação, quando comparado com 2016, o melhor ano do período analisado. Se em 2021 as 85 reservas realizadas mobilizaram 337 pessoas para o concelho e para a Praia Fluvial, que registou grande afluência durante a época balnear, em 2016 as 86 reservas envolveram 368 utilizadores. Recorde-se que os bungalows foram ainda utilizados este ano, entre os dias 7 e 12 de setembro, pela residência artística da Aldeia Djembé Camp.
Segundo a autarquia, as obras realizadas em 2020 e 2021 permitiram reordenar o espaço ocupado pelas tendas, com a construção de arruamento para melhor servir os utilizadores e foi ainda substituída toda a parte elétrica do Parque de Campismo. Por forma a torná-lo mais versátil na gestão das reservas dos bungalows, campismo e estacionamento de caravanas, o município irá dotar o parque de um sistema autónomo de controlo de acessos, que permitirá que as reservas sejam feitas através de um portal web, no qual será gerado automaticamente um PIN, que permitirá ao utilizador entrar sem a necessidade de um colaborador da autarquia estar presente. Enquanto esse sistema não estiver operacional, o que se prevê no decurso do próximo ano, é possível fazer as reservas diretamente na página do município. Serão também implementados sistemas de vídeo vigilância e alarme que garantam uma maior segurança aos utentes.
Nos próximos anos, o município irá fazer a substituição das casas de madeira, renovando os bungalows, num equipamento que beneficia da proximidade da Praia Fluvial, dos bons acessos e da envolvente natural.

Partilhar: