SERTÃ: Alteração ao PDM aprovada por maioria

Transposição de normas constantes nos planos espaciais das albufeiras que abrangem o concelho, na base da alteração.

SERTÃ: Alteração ao PDM aprovada por maioria

Uma alteração por adaptação do atual Plano Diretor Municipal (PDM) da Sertã foi votada na última reunião do executivo municipal, da passada segunda-feira, 7 de junho, e motivou a discussão habitual sobre este documento.
Recorde-se que o PDM da Sertã está em revisão há tempo de mais. Esta situação levou mesmo a uma rescisão com a empresa que o estava a fazer. Este caso que agora foi votado “não abrange ato de planeamento. Trata-se apenas da transposição de normas constantes nos planos espaciais das albufeiras que abrangem o concelho”, lê-se na proposta apresentada pelo presidente da Câmara Municipal da Sertã, José Farinha Nunes. O concelho da Sertã é abrangido por dois planos especiais de ordenamento, nomeadamente da albufeira de Cabril, Bouçã e Santa Luzia e da albufeira de Castelo de Bode.
Esta alteração tem de estar aprovada até dia 13 de Julho, daí a necessidade de ser votada agora e de não esperar pelo novo PDM, explicou o autarca, respondendo à questão levantada pelo vereador do PS, Carlos Miranda, sobre a pressa desta proposta. Esta urgência foi também questionada pela vereadora do PS, Cristina Nunes, pois “já se sabia destes prazos de antemão”, quer da necessidade de integração destes mas também de outros planos especiais, disse.
A vereadora do PSD Cláudia André na votação absteve-se porque como diz tem “dúvidas sobre este documento. Não sei o que acrescenta, altera ou traz de novo”, notou.
Por seu lado o vereador do PSD Jorge Coluna voltou a lembrar que o PDM da Sertã tem de estar pronto em julho do próximo ano, mas até março tem que ser apresentada uma proposta da PDM.
Esta alteração foi aprovada por maioria, com a abstenção da vereadora do PSD, Cláudia André.

Foto: Arquivo Rádio Condestável

Partilhar: