SERTÃ: CDS Sertã celebrou acordo autárquico com o PSD

Partido “apoia programa apresentado por Paulo Luís”.

SERTÃ: CDS Sertã celebrou acordo autárquico com o PSD

O CDS Sertã celebrou um acordo autárquico com o PSD para três órgãos distintos.
Assim, e como dá conta a concelhia da Sertã do partido, em comunicado enviado à Rádio Condestável, o acordo é assim designado:

“ - Aliança CDS/PSD candidata à União de Freguesias da Ermida/Figueiredo
  - Seis candidatos à Assembleia Municipal, liderada por Maria João Torres
  - Quarto lugar à vereação da câmara municipal, que delegamos, Luís Bernardo, de Cernache do Bonjardim”

O CDS refere, no mesmo comunicado, que apoia “incondicionalmente o programa apresentado por Paulo Luís” e reforça “alguns setores que ao longo de vinte anos vem defendendo”, ou seja:
- Empresas: Continuar a lutar pela isenção parcial para todas as que se quiserem instalar na nossa terra e dialogar com as já existentes para, em conjunto, resolver os seus problemas. Incluindo impostos.
- Floresta: Sempre a consideramos a nossa menina bonita. Choca-nos vê-la desprezada. Disse o Sr. Primeiro-Ministro, no seu discurso no congresso, que se tinham dedicado e muito iam fazer pela floresta. Fica a pergunta. Qual floresta? A natural que destruíram ou a floresta humana que o rodeia?
- Estrada 238: Já há vinte anos que, em artigos de opinião, pedíamos aos presidentes de câmara para, em união de esforços, exigirem a construção de uma via rápida Tomar, Ferreira do Zêzere, Cernache, Sertã, Oleiros, Fundão. Era tempo de vacas gordas e davam leite suficiente para atender todos os pedidos. Hoje as tetas secaram. O problema tornou-se grave. Porém tem solução. Basta pressionar a Bazuca abrigando-a a disparar para Ferreira do Zêzere, Cernache, Sertã, Oleiros e Fundão”.

Partilhar: