SERTÃ: CLDS disponibiliza “Espaço Móvel Apoiar 4G”

O projeto CLDS 4G Sertã Envolve criou o “Espaço Móvel Apoiar 4G”, um serviço de apoio de proximidade à população deste concelho.

 SERTÃ: CLDS disponibiliza “Espaço Móvel Apoiar 4G”

“O serviço em questão constitui um instrumento facilitador do acesso das pessoas a serviços públicos de utilidade pública, a nível local, reduzindo o isolamento e a exclusão social”, explica o CLDS em nota enviada à comunicação social. Trata-se de uma iniciativa que conta com os apoios da Câmara Municipal da Sertã, juntas e uniões de freguesia e algumas associações do concelho.
Este Espaço Móvel Apoiar 4G vai dispor de uma equipa técnica que irá deslocar-se às várias localidades do concelho da Sertã, oferecendo à sua população diversos serviços de informação, nomeadamente apoio na utilização e navegação no Portal das Finanças, nos acessos a IRS, IUC, Imóveis, impressão de documentos e certidões entre outros serviços, assim como no preenchimento de formulários dos serviços municipais ou da segurança social. A 1ª fase arranca com a ajuda no preenchimento das declarações de IRS seguindo-se posteriormente a implementação dos restantes serviços.
Os técnicos do CLDS 4G, de 1 de abril a 30 de junho, através deste serviço prestarão apoio no preenchimento da declaração de IRS nas juntas e uniões de freguesia e associações do concelho que aderiram e cederam as suas instalações para a implementação deste Espaço Móvel na comunidade.
Para usufruir deste serviço gratuito o CLDS 4G esclarece que basta fazer-se acompanhar do cartão de cidadão e da sua senha do serviço de finanças e fazer a sua marcação através do e-mail clds4gserta@gmail.com ou do telefone 274 600 309.
Para mais informações sobre o dia e hora em cada localidade da sua freguesia, os interessados deverão consultar a sua junta de freguesia, associação local ou a página do Facebook do “CLDS 4G Sertãenvolve”.
Os atendimentos serão realizados cumprindo as recomendações da Direção Geral de saúde. O programa CLDS 4G é cofinanciado pelo POISE, Portugal 2020 e Fundo Social Europeu.

Partilhar: