SERTÃ: PS apresentou o seu programa eleitoral

AUTÁRQUICAS 2021: Centralidade, gastronomia, água e identidade são as principais âncoras do partido para o concelho.

SERTÃ: PS apresentou o seu programa eleitoral

AUTÁRQUICAS 2021: O Partido Socialista (PS) da Sertã apresentou ontem, 14 de setembro, no salão da Junta de Freguesia de Várzea dos Cavaleiros, o seu programa eleitoral. Este assenta em três eixos considerados “fundamentais” pelo candidato do PS à Câmara Municipal da Sertã, Carlos Miranda, ou seja, “dinamizar a economia e gerar condições para a criação de emprego, aumentar a qualidade de vida dos munícipes e garantir justiça e igualdade de oportunidades para todos”.
Em primeiro plano, para além de alargar as zonas industriais, pretende criar a "Agência para o Desenvolvimento Económico do Concelho da Sertã" que terá a missão de apoiar as empresas em candidaturas a fundos europeus, na sua participação em feiras nacionais ou internacionais e ainda apoiar na procura de investidores para o concelho. Ainda neste âmbito, e aproveitando a centralidade da Sertã, o PS defende a criação de um parque para acolhimento de transportes pesados de mercadorias, o qual até pode servir para atrair empresas e serviços e ser um centro logístico na região. Seria, como descreveu Carlos Miranda, “um recinto fechado e vedado, com segurança durante 24 horas, com balneários e instalações sanitárias para motoristas e para que as empresas que operam nesta área, parem na Sertã e façam daqui uma plataforma de distribuição logística”. Neste parque poderá também ser prestado apoio técnico o que, para o candidato, até poderia implicar mais emprego na área da mecânica automóvel. Sendo Cernache do Bonjardim um centro por excelência da venda de automóveis, o PS quer criar, nesta vila, uma "Feira Nacional do Automóvel Usado".

Olhando para a Estrada Nacional 2 e para o turismo que pode trazer, a ideia é facilitar a paragem e a permanência de autocaravanas, motos e veículos ligeiros em recinto próprio, funcionando como um “posto de turismo avançado”, explicou o candidato que quer, entre outras ideias, “recuperar e dar vida à zona histórica da Sertã, criar um "Centro Interpretativo da Gastronomia das Tradições do Concelho", criar o "Festival do Vinho" e dinamizar o turismo religioso em Cernache”.
A forma de aumentar a qualidade de vida da população do concelho, segundo o programa do PS da Sertã, tem que passar pela saúde. Assim, o PS quer, “lutar junto do Ministério da Saúde pelas valências de saúde necessárias ao concelho, atrair médicos e criar um serviço móvel de rastreio e distribuição de medicamentos”. Na educação, a ideia é “recriar ou criar uma residência de estudantes para poder atrair estudantes para todas as escolas do concelho. Na cultura, o destaque vai para a criação do "Festival de Artes “Camélias em Flor” na vila de Cernache do Bonjardim, na época da floração das camélias, para a criação de um polo da biblioteca municipal nesta vila e, entre outros, para o “retomar da investigação arqueológica sobre o concelho”.
No âmbito da qualidade de vida dos munícipes há duas lutas que o candidato se compromete a travar, ou seja, a requalificação da Estrada Nacional 238, em conjunto com os restantes municípios por onde passa, e a requalificação e conclusão do IC8. Para Carlos Miranda trata-se de “uma via estruturante para o país que liga à A23, que liga à A31, que por sua vez liga à autoestrada em Espanha que liga diretamente a Madrid. O IC8 será a via mais rápida a ligar o litoral a Madrid. É uma via absolutamente estratégica e fundamental para o nosso desenvolvimento e mais uma vez a Sertã está aqui no meio”, lembrou. “É importante e necessário concluir e requalificar o IC8”, disse, lembrando alguns perigos existentes nesta via, como as suas entradas.
Por último, o partido quer garantir a justiça e igualdade de oportunidades para todos, garantindo a transparência e equidade aos órgãos municipais, o bom funcionamento dos serviços municipais e a solidariedade aos mais desfavorecidos.

Partilhar: