VILA DE REI: Água da torneira com qualidade de excelência

Município regista um valor de conformidade de 99,50% em 2020.

VILA DE REI: Água da torneira com qualidade de excelência

A qualidade da água para consumo humano em Vila de Rei tem vindo a registar, ano após ano, melhorias constantes e sustentadas, alcançando, em 2020, o valor de 99,50% de água segura na torneira do consumidor, o que, num quadro regulatório cada vez mais exigente, representa uma efetiva melhoria da qualidade da água nos últimos anos.
Os valores podem ser observados no Relatório Anual do Controlo da Qualidade da Água, publicado pela Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR). Nesse ano foram analisados quase três centenas de parâmetros à qualidade da água sobre amostras de água colhidas em diferentes pontos da rede de distribuição, tendo-se obtido como resultado a conformidade legal em todos os parâmetros, refere a autarquia vilarregense em nota enviada à comunicação social.
O Município de Vila de Rei, na qualidade de entidade gestora dos sistemas públicos de abastecimento de água para consumo humano, tem por obrigação legal, e no âmbito da implementação do Programa de Controlo da Qualidade da Água para Consumo Humano aprovado anualmente pela Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos, a realização de um conjunto diversificado de análises laboratoriais.
Ricardo Aires, presidente da câmara realça, na mesma nota que “2020 foi um ano atípico dada a situação pandémica de Covid-19, sendo fundamental realçar a cooperação inexcedível entre a entidade reguladora ERSAR, a autoridade de saúde, o laboratório e demais intervenientes no processo de controlo da qualidade da água, no entanto ainda falta muito trabalho e muito caminho a percorrer no combate às perdas de água, ruturas e na promoção de mais eficiência do sistema de abastecimento”.
Em Portugal continental, importa registar a evolução significativa nos níveis da qualidade da água fornecida na torneira dos consumidores, podendo garantir-se hoje que 99 % da água é controlada e de boa qualidade (água segura), quando em 1993 este indicador se cifrava apenas nos 50 %.

Partilhar: